Ir para site do PS/Açores
Foto1Excellens
O eurodeputado Ricardo Serrão Santos recebeu, este sábado, numa cerimónia realizada no Centro de Artes e Espectáculos da Figueira da Foz, o prémio Excellens Mare 2017.
Os Prémios Excellens Mare, organizados pela consultora internacional PWC, são um contributo de referência, em Portugal e no Mundo, para o reconhecimento da excelência e do mérito nas atividades do Mar. O júri justificou a atribuição da mais alta distinção a Ricardo Serrão Santos pelo papel fundamental que o eurodeputado tem assumido no estabelecimento de uma visão integrada sustentável e transversal para os assuntos do mar. Destacaram ainda “a sua vasta experiência em matérias de conhecimento e de mar que também foram reconhecidas pela Academia de Ciências de Lisboa através da sua admissão como membro correspondente e pela Academia de Marinha através da concessão da afiliação como membro emérito”. Consideraram ainda que “a forma abnegada como defende o meio ambiente marinho nos Açores, no seu País, na Europa e no Mundo também lhe dá a qualidade de ser um Embaixador da Natureza”.
Numa pequena intervenção de agradecimento Serrão Santos começou por referir-se à simbologia da bonita escultura associada ao prémio, como representando a força da onda e o gesto da mão que apela à responsabilidade sobre os oceanos. Disse ainda que “a abordagem do impacto humano sobre os oceanos não se conforma com as nossas fronteiras políticas. O Oceano é um recurso partilhado e a sua governação merece e exige diplomacia cientificamente informada, onde Portugal, nação oceânica, deve empenhar o melhor que tem da sua diplomacia e da sua ciência”.
A cerimónia contou com a actuação da Banda da Armada, que estreou a obra “Azul Vivaz”, da autoria do compositor Lino Guerreiro, especialmente escrita para a ocasião e que foi efusivamente aplaudida por uma audiência de cerca de 400 pessoas.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Deixe um comentário